Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 +55 88 9 9475-7536

Encontre o que deseja

NO AR

BEM RAIZ

    Brasil

Brasileiro com autismo se forma em ADS e emociona pais e mestres

Publicada em 21/03/19 as 19:57h por Só Notícia Boa - 51 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: Ascom/FAAO)

Um jovem brasileiro com autismo se formou no último fim de semana em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) pela Faculdade da Amazônia Ocidental (FAAO).

Ivi Fernando de Souza Moura tem 19 anos e nasceu em Cruzeiro do Sul, no Acre. Apaixonado por números e muito inteligente, aos 10 anos de idade ele foi diagnosticado com Síndrome de Asperger – classificado atualmente como autismo leve.

No último fim de semana, a formatura de Ivi emocionou pais, familiares, amigos e professores da faculdade.

O professor e coordenador do curso de ADS, Anderson Santos, disse que ensinou e também aprendeu com Ivi.

“Ele foi meu aluno, mas também me ensinou muito sobre como vencer os obstáculos dados pela vida. Sinto-me honrado em participar de uma história tão linda que fortalece a nossa crença em uma educação que pode mudar mundo. Ivi mostra que a força da inclusão, como proposta e objetivo, está no resgate das possibilidades presentes em qualquer ser humano”, salientou.

A mãe, Josiane Negreiro de Souza, agradeceu ao acolhimento que o filho teve na faculdade.

“Os professores do curso acompanharam meu filho desde o momento em que pedi a força de cada um deles. Lembro que todos se reuniram para a elaboração de estratégias. Ele teve mediadores, mestres e anjos que o ajudaram nessa caminhada. A FAAO me mostrou o que é inclusão na prática”, afirmou.

Historia

Josiane disse que desde cedo notou que Ivi Fernando não atendia aos comandos verbais externos e tinha alguns movimentos repetitivos – o que os especialistas chamam de estereotipia.

Pela falta de profissionais da área de neuropediatria e neuropsicologia na cidade, em 2010, Josiane levou Ivi a Curitiba, quando recebeu o diagnóstico de Síndrome de Asperger.

“Me orientaram sobre o que deveria fazer e quais meios eu precisava utilizar. Fui seguindo com a vida, dando atenção pra ele. Matriculei em uma escola e no início ele apresentou muitas dificuldades, principalmente no contato com os outros colegas, mas deu conta”, lembra.

Ela disse que várias vezes foi à escola, a convite da professora, que insistia em dizer que ele não gostava de brincar com os demais alunos e ficava apenas direcionado para os livros.

Muito inteligente

O que impressionava a mãe era o fato de o garoto ser “fascinado” por números, mostrando facilidade na compreensão da ordem numérica e das contas matemáticas.

“Embora não gostasse muito do contato com os outros colegas e não ligasse para as brincadeiras, ele amava número e amava ler. Aprendeu com três anos”.

No ensino fundamental, Ivi recebeu cinco medalhas nas Olimpíadas Brasileiras de Matemática (OBMEP), destacando-se como um dos melhores alunos do colégio.

“Sempre lutou, mesmo com as dificuldades que tinha para compreender algumas coisas. Fez e superou as limitações. Tenho muito orgulho”, disse emocionada a mãe.

Faculdade

Quando terminou o ensino médio, veio a aprovação na faculdade, especificamente no curso de ADS.

Ivi ainda não se sentia preparado para enfrentar a sociedade.

“Quando recebi a notícia de que ia estudar o curso dos meus sonhos, em uma das melhores faculdades do estado, pensei sobre o quanto valeu a pena lutar e vencer os desafios. Naquele momento eu ainda passava por algumas dificuldades com relação ao autismo. Eu não era muito sociável. Então, por alguns momentos, a ideia de estar em grupo, apresentar trabalhos e me expor, me deixou um pouco ansioso e com alguns receios. Mas, enfrentei”, lembra o rapaz

Ele conta que aprendeu a enfrentar o medo.

“Foi uma coisa interessante, sabe?! Eu apresentava trabalhos, com muita dificuldade, mas enfrentava o medo. Fui me enturmando com o pessoal e, quando percebi, já estava ali, com os meus colegas. Eu fiquei impressionado e muito feliz”, comentou.

Ivi com os pais - Foto: Ascom/FAAO

Ivi com os pais – Foto: Ascom/FAAO






ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário

Nossos Parceiros

 
 

Nosso Whatsapp

 +55 88 9 9475-7536

Visitas: 547374 |  Usuários Online: 20

Venha fazer parte da Rádio do Bem, junte-se a nós na missão de semear a Paz e o Bem pelo Planeta. - Todos os direitos reservados