Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 +55 88 9 9475-7536

Encontre o que deseja

NO AR

TOCA TUDO

    Brasil

Dono de hortifruti doa excedente, evita desperdício e melhora vendas

Publicada em 06/05/19 as 09:44h por Só Notícia Boa - 26 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: arquivo pessoal / Thiago Teixeira)

O dono de um hortifruti no Rio de Janeiro é nova prova de que o bem vai e volta, como a gente sempre diz.

Para evitar desperdício e ciente do problema da fome na região de Campos dos Goytacazes, Thiago Teixeira, de 35 anos, decidiu doar para pessoas necessitadas frutas, verduras e legumes que não são vendidos – mas estão em bom estado.

O resultado apareceu em poucos dias. Além de evitar que quilos de alimentos fossem para o lixo, novos clientes apareceram e as vendas de Thiago aumentaram.

“Do dia 26/04, que foi o dia que eu coloquei os produtos para doação, teve sim um aumento de pessoas para comprar. As entregas para os bairros mas distante apareceram, outras pessoas tem vindo nos dar a preferência! Isso de uma tal forma ajudou bastante, a repercussão foi grande”, disse Thiago em entrevista ao SóNotíciaBoa.

História

Thiago abriu o ponto em junho do ano passado, fechou em dezembro por causa da baixa temporada e reabriu março desse ano.

Mas com as vendas baixas e o calor, a comida começou a sobrar e ele não gostou do que viu.

“Estava indo para o lixo e aquilo me incomodou muito. Há tantas pessoas necessitadas aqui no bairro. Tive a ideia de separar um espaço para colocar essa mercadorias, que já não conseguia vender, para poder ajudar as pessoas que tentam precisam”.

Foi aí que ele teve a ideia de fazer um cartaz na loja, para avisar aos necessitados e colocar o aviso também no Instagram da loja.

“Graças a Deus a ideia tem dado certo. Muitas pessoas tem vindo aqui pegar seus alimentos e isso tem sido gratificante, poder ajudar aos que mais precisam!”, disse.

Sem prejuízo

A pedido do SóNotíciaBoa, Thiago fez as contas das sobras deste domingo, 5.

“Hoje por exemplo [foram] 2 kg de tomate, 2 repolhos, 3 kg de batata inglesa, 2,5 kg de inhame, 3 kg de laranja, 1 kg de chuchu, 1,5 kg de banana caturra. Ontem teve mais coisas!”, conta.

E garantiu que doar tudo isso não é prejuízo.

“Não olho para esse lado, prejuízo. Não acredito que fazendo isso venha a me trazer prejuízos. Lembrando que não coloco produtos estragados, escolhos os produtos como se fossem para mim!!!”, disse.

No cartaz que colocou ao lado dos alimentos, Thiago pede que as pessoas levem apenas o que vão consumir e não se esqueçam do próximo.

Ele promete que a boa ação vai continuar:

“Estamos assumindo um compromisso que todos os dias teremos alguma coisa para as pessoas que precisam. Sabemos que muitos não têm condições de terem seu alimento em casa para seus filhos, então se todos fizermos um pouquinho, acho que poderemos ajudar os que mais precisam. Muitas coisas jogamos fora”, concluiu.

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa






ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário

Nossos Parceiros

 
 

Nosso Whatsapp

 +55 88 9 9475-7536

Visitas: 491362 |  Usuários Online: 62

Venha fazer parte da Rádio do Bem, junte-se a nós na missão de semear a Paz e o Bem pelo Planeta. - Todos os direitos reservados