Redes Sociais

Nosso Whatsapp

 88 9 9475 7536

Encontre o que deseja

NO AR

RADIO SERENIDADE

    Mundo

Quênia cria feriado nacional para população plantar 15 bilhões de árvores até 2023

Publicada em 26/11/23 as 09:15h por Só Notícia Boa - Vítor Guerra - 9 visualizações

Compartilhe
   
Link da Notícia:
 (Foto: Reprodução/Luis Tato (AFP).)

O Quênia criou um feriado nacional para incentivar a população a plantar árvores e combater a crise climática e desflorestação. A primeira edição aconteceu no dia 13 de novembro e o país acredita ter plantado 100 milhões de árvores!

A meta até 2032 é muita ousada, serão 15 bilhões de árvores. Cada cidadão do país, foi convidado a plantar pelo menos duas árvores e mesmo com muita chuva, eles não desanimaram.

Nas redes, o ministro do Interior, Kithure Kindiki, foi o responsável por convidar a todos. “O governo declarou feriado especial na segunda-feira, 13 de novembro de 2023, durante o qual se espera que o público de todo o país plante árvores como uma contribuição patriótica aos esforços nacionais para salvar nosso país dos efeitos devastadores das alterações climáticas”, disse.

Plano a longo prazo

A cobertura florestal do Quênia é de 7%, mas o governo quer aumentar isso.

Com um plano ousado, as autoridades separaram mais de 80 milhões de dólares, para fazer esse número subir para mais de 10%.

Segundo Roselinda Soipan Tuya, ministra do Meio Ambiente, o plano é um esforço para mostrar que a nação tem preocupação com o planeta.

“É um momento para que os quenianos se solidarizem na defesa do nosso ambiente, é um dia de contribuição, todos nós nos unimos para combater a crise das alterações climáticas”.

A meta é que até 2032 os quenianos atinjam mais de 15 bilhões de árvores plantadas em todo território nacional.

Primeiro dia

A primeira edição do feriado foi um sucesso e, apesar dos dados oficiais não terem sido divulgados, o governo acredita que plantou 100 milhões de árvores!

Geoffrey Mosoku e suas duas filhas, moradores do país, embarcaram de vez na iniciativa.

“Fazer um trabalho ambiental tem que se tornar parte da cultura queniana”, disse o homem enquanto abria um buraco para plantar.

Para a ativista ambiental Elizabeth Wathuti, a participação da comunidade local é muito importante.

“Foi incrível ver tantas pessoas perguntando onde poderiam plantar árvores ou conseguir mudas. Isso mostra que mais pessoas estão começando a levar a sério as questões de conservação”, contou.
Ela ainda destacou a boa vontade das autoridades locais com o feriado. “Ter um feriado nacional de plantação de árvores mostra boa vontade e intencionalidade política”, concluiu.

Além disso, a data foi lembrada também para uma campanha contra as desigualdades de acesso ambiental.

“Plantamos árvores para dar às pessoas a esperança de uma vida mais digna, mas quase não há espaço para cultivar árvores, por isso somos forçados a plantar perto de linhas de esgoto ou de montes de lixo, por isso também estamos plantando hoje para criar consciência sobre essas desigualdades”, disse Muchangi Nyaga, coordenador de uma campanha de justiça ecológica no Centro de Justiça Social Mathare.

Várias famílias se engajaram na prática. Foto: Reprodução/Caroline Kimeu.

Várias famílias se engajaram na prática. Foto: Reprodução/Caroline Kimeu.

Várias crianças participaram da ação. Foto: Reprodução/ X William Samoei Ruto.

Várias crianças participaram da ação. Foto: Reprodução/ X William Samoei Ruto.

Com informações de The Guardian

Espalhe notícia boa!





ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


Nosso Whatsapp

 88 9 9475 7536

Visitas: 1387065 | Usuários Online: 16

Venha fazer parte da Rádio do Bem, junte-se a nós na missão de semear a Paz e o Bem pelo Planeta. - Todos os direitos reservados

Converse conosco pelo Whatsapp!